12 comentários em “Lembram do Tafú?”

  1. Conheci os dois Tafús. O primeiro perdeu num concurso de comer laranja. O segundo colocava os transformadores do autorama no congelador.

  2. AUHhuauhahuahua.

    Até dos meus autoramas, vcs tem memória eihn…

    Ainda tenho em casa os autoramas e os botões.

    Vamos cavocar então: 1) Elton Schu”chu” eheheh, e Lula, inseparáveis, carrinhos de ferro, pistinha e zorra. 2) Darci, Marcos Leindecker e familia, o Darci de monareta na frente da casa do Marcos e de calção jogaram de borrachinha pedaço de grampo que cravou na coxa dele, maior sangria vermelha da coxa branca do goleirão do Guarani, 3) Mexer com os pobres deficientes da cidade, que judiaria vcs ein, “Pacheco” e “Lobisomem”, 4) Satos mortais e especiais, o Maninho era bom em mortal e meio, outros tb, 5) Pobre “Ximbica” faltando luz no ensaio da escolinha de samba da SOVA comecaram a me atormentar e atirei a frigideira no escuro, infelizmente acertou a cabeça dele, que m….., 6) PORRADA LEGAL tem várias, mas em especial a do pau do Portelinha na SOVA, e o bolor no ginásio do Colegio Oliveira qdo o Branco foi pegar o tenis no palco e o musico bateu nele com o pedestal, maior quebra pau, na semana seguinte o Almedo era diretor e tinha dado uma cadeirada no Branco foi dar de macho na aula e quase dei uma cadeirada dele, o Alécio era vice-diretor e me chamou para me avisar que estava expulso do Oliveira, uahuauhauhaauhauh, 7) Fugir do “Lombinho”, Arroio Sao Joao quando entravamos pela ponte sem pagar, 8) Zorra de bike nas pracas e na igreja fugindo depois dos brigadianos, 8) roubar madeira para fazer pinobol, 9) Fazer pistas de bicicross detonando as bicicletas….. NOSSA, E POR AI VAI, festinhas de garagem, brincar de pega-pega na piscina, fazer cross nas fazendinhas e chacaras da regiao com a boxer que comprei do Ronald Artus e depois com uma YB 50 da Yamaha, vivia no bogorni arrumando, o Chico Huyer de turuna ganhou varias. Uma das melhores que lembro foi de ver no cinema CRISTIANE F DROGADA E PROSTITUIDA, no cinema estava o Tio Huyer e a namorada na época, quando o cara do banheiro ajudou a Cristiane F no pico, depois ele aparece de novo tomando um pico na jugular, ele na época era a cara escrita do tio Huyer, eu estva no cinema quando o cara apareceu na tela e eu berrei bem alto “OLHA O TIO HUYER NO TELÃO GALERA” auhhuauhauhauhauhaauhauhahuahuahuauh, ele queria me esganar eu imagino….

    Antes que eu fale umas historias cabeludas de alguns ai, vou parar…

    Fotos minhas é facinho, picasa e google:
    http://www.orkut.com.br/Main#Profile?rl=pv&uid=10088787263855822053
    http://picasaweb.google.com/Luciano.T.Sousa/
    http://www.orkut.com.br/Main#Profile.aspx?uid=16098038725610276945

    Vou scanear umas bem antigas prá galera ver.

    Flw ai, to em Floripa!

    Aparecam qdo quiserem, pois ao que eu saiba de Venancio só tenho amigos, nunca arrumei inimigos, mesmo sendo meio doido eheheheheheheeheheh

  3. PS: para lembrar, o negocio dos transformadores no congelador, eu tinha 3 autoramas e montava pistas gigantes, e como esquentava demais no verão os transformadores, pois usava dois, antes de usar deixava eles gelando e um ficava sempre no congelador para trocar se um deles esquentasse demais de novo. Funcionava, demorava quase uma hora a mais antes de começar a cheirar de tão quente de novo.

  4. Faz tempo!Mas peguei alguma carona com o Tafú na sua “GaréliDourada”nos finais de aula no Oliveira antes dele ser expulso.Um dia nós brigava,no outro já tinha carona!!Mas as nóssas brigas tinha uma razão e um nome:A Denise a mais gostosa da sala!!!e para variar mem um levava lembra Tafú?

  5. E aí Tafú:
    Como é que tu foi se lembrar daquela frigideira?… Eu já tinha esquecido … Agora … Mais dois anos de terapia … Há … Há … Há …
    GRANDE TAFÚ … UM ABRAÇO
    Chimbica

  6. heheheh…conheci o Tafu porque acredito que ele tava de rolo com uma amiga da minha irma…ele apareceu uma ou outra vez la em casa…por causa de suas violadas, muitas vezes tocando pink floyd, comecei a fuçar no violão que tinha lá em casa…ali eu comecei a despontar para o anonimato..hahahahahah!!!

  7. Olha o Tafú! O cara que tinha os brinquedos que a gente só sonhava na Venâncio dos 70s. E sem ser filho de médico. Conheci a figura e sua família, num veraneio em Capão, onde alugaram uma das casas da Vizinha Ferreira, ao lado da nossa. Estudei com essa lenda urbana no Oliveira (êita lugar pra conhecer lendas!)

  8. AUHaHUHUAHUAAUHAUHAUHAHUAHUAUH

    Chimbica, desculpas antes tarde do que nunca…. auhahuahuahu

    Jacir, a Denise nosssssaaaaaaaaa, sem comentários,
    ainda lembro dos jogos de handebol no Oliveira, só as feras…

    Oh Fabricio, anonimato é temporário sempre,
    continuo tocando nestas 3 décadas de tudo um pouco,
    quando aparecer em Floripa se eu tiver tocando vais dar uma canja…

    O Vladi aproveitou bem a brinquedada que eu ganhava
    dos tios, de carrinhos a autoramas, de tec-toy a forte-apache,
    de skate a carrinho de rolimã, e claro,
    quem não lembra dos bons torneios de jogo de botão.

    Sem contar as aulas do Gaspar mais ainda na antiga,
    jogar bolinha de gude as ganha ou as verde,
    tinha que ser fera prá jogar no BOCO de prima e tal AUHhuAhuaAUH

    Os Figenbaun que tomaram mamadeira até os 12 ou 14 anos,
    ooouuuu coisa boa mamá da mamãe, eheheheheheheh.

    Gente tem muita história prá contar mesmo.

    Tempo bom, mas prá mim continua,
    continuo jogando botão, video-game,
    tocando rock e ainda não tive filhinho,
    ahuhuAhUHUAHUAHUAUH, continuo na vida boa,
    de vez em quando advogo um pouco
    prá ter mais o que gastar em bobagem.

    Mas casei agora depois dos 40 e quem sabe vem um.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.